Contato : +33 (0)4 42 26 40 34 WhatsApp : +33 (0)6 09 01 49 97

Churrasco na casa dos Mekhelian, dia para conversar sobre a maternidade à beira da piscina.

O domingo começou com uma chuva fina. Aparentemente o aniversário de dois anos da Leana, filha de Jean-Michel e Marie, não prometia muito. Churrasco em dia de chuva normalmente é fria e ela nos acompanhou por todo o trajeto de 20 Km até Laçon de Provence. Felizmente não foi o mesmo tempo que encontramos na cidade do amigo de Nicolas.

O sol, mesmo que tímido, fazia as honras da casa e o churrasco pôde começar. Entre os convidados outros quatro casais, apenas um deles sem filhos e uma questão : se estamos começando a ter filhos mais tarde, o que nao é bom e isso todo mundo sabe, porquê continuamos a nos fazer mil perguntas antes de engravidar? Como se uma criança precisasse de uma casa com cinco quartos, pai e mãe com empregos estáveis, creche disponível e muito dinheiro no bolso. Tudo isso seria excepcional se não estivesse muito longe da realidade. Conheço vários casais e quanto mais perto dos trinta eles estão mais eles são preocupados com tudo – carreira, viagens, se tornar proprietário, aproveitar a vida – menos com o tempo que anda acelerado e que pode colocar por terra a vontade de ter um bebê. As minhas atuais colegas de trabalho, todas com mais de quarenta anos, já estão com filhos adolescentes, e todas tiveram dois ou três em seguida sem pensar muito.

Hoje, na conversa com as três outras mamães a dúvida sobre quando o segundo deve chegar ainda é grande. A falta de ajuda em casa – aqui na França uma empregada doméstica cobra 10€ a hora e a babá não sai por menos – e a dificuldade para conciliar casa, filho e trabalho vai deixando para mais tarde o primeiro, e no caso do nosso grupo, o segundo. Para Marie, esposa de Jean-Michel o segundo está a caminho, ela está com 28 anos e grávida de dois meses, as outras passaram dos 30. A situaçao de Marlene é mais delicada ela ainda não entrou para o clube das mamães porque quer casar primeiro, emagrecer 20 quilos para entrar no vestido e parar de fumar, tudo isso no ano que vem. Ainda bem que Marlene é consciente da idade que ela tem, imagine se não fosse! Tomara que no nosso próximo encontro, entre o almoço, o banho de piscina e a sobremesa possamos conversar sobre outras dúvidas: a escolha do nome, a cor do enxoval, a decoração do quarto e uma certeza, não importa se é o primeiro, ou o segundo, ou o terceiro, filhos dão trabalho, mas deixar isso para mais tarde pode ser um passo para tarde demais.

Atualizando o post em 21 de setembro de 2010: Marie espera o terceiro filho e Marlene continua tentando o primeiro.  

Atualizando o post em 04 de outubro de 2012: Marlene vai ter o primeiro bambin em janeiro de 2013.

Procurando hospedagem ? 

Clique aqui e veja com quem trabalhamos: Booking. 

A nossa assessoria é gratuita para todos os clientes que optam por se hospedar com os nossos parceiros. Além de contar com a consultoria de quem conhece e mora na Provence, você não paga mais nem um centavo por isso.

Aguardamos o seu mail caso tenha alguma dúvida de como funciona o nosso serviço: site@naprovence.com.

Tags:, , , , , ,

2 Replies to “Churrasco na casa dos Mekhelian, dia para conversar sobre a maternidade à beira da piscina.”

Marie
9 junho 2008
Coucou Ana, Chloé et Nico!
Ce blog est une super idée et nous sommes très touchés d'y être présents.Tous nos compliments à l'auteur!!
Nous avons passé une très bonne journée avec vous à cette occasion.
Qu'il y en ait beaucoup d'autres!
Gros bisous!!
Marie,Léanna et Mickey
Responder

Deixe um comentário

Nota: Os comentários no site refletem as opiniões de seus autores, e não necessariamente as opiniões do portal de internet NaProvence. Você deve abster-se de insultos, palavrões e expressões vulgares. Reservamo-nos o direito de excluir qualquer comentário sem aviso prévio ou explicações.

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são assinados com *