Tel: +33 44 226 4034 • WhatsApp: +33 60 901 4797 site@naprovence.com
Horário local: 12:11 hrs • Atendimento em horário comercial (das 9:00 às 17:00 hrs)

by Anatê Merger

 
Escolha uma Página

Dois casais com disposição para conhecer o mundo descobrem a Provence.

“Gare de Lyon, Paris. De lá embarcamos no TGV que nos levaria até Marselha em uma linda e confortável viagem de 830 km. Exatamente às 17h15, após 3 horas de viagem – média de 270 km/h – chegamos na Gare Saint-Charles e seguimos diretamente para o hotel Sofitel (o hotel está muito bem localizado, com vista privilegiada para a enseada, perto do porto e de bons restaurantes que podemos visitar a pé e com segurança. Daría uma nota 9 para fugir um pouco da perfeição já que nada é perfeito), onde deixamos as malas e partimos para conhecer um pouco da cidade e depois jantar. Embora estivesse cedo ainda, já estava escuro por causa do inverno (vivemos essa viagem em novembro de 2009). Ainda no Brasil, quando estávamos esquematizando a viagem, optamos por ficar três noites em Marselha para podermos rever Mônaco, a Cote D´Azur e a região da Provence. Por isso e através da indicação de um amigo, entramos no blog da Anatê, brasileira do Rio Grande do Norte, que vive na Provence, e com ela agendamos os passeios. No primeiro dia fomos para o Principado de Mônaco, onde andamos a vontade pelo centro da cidade, visitamos o cassino e a linda praça central, percorremos a região do palácio real e os seus jardins, que ficam na região alta, de onde se tem uma belíssima vista da cidade de Montecarlo e as suas marinas. Na saída de Mônaco, passamos pelo túnel e fotografamos o local onde os carros da F1 se posicionam para a largada. Em seguida descemos para Nice, cidade vizinha de Mônaco, tão linda quanto, onde almoçamos no restaurante La Voglia (excelente ambiente, excelente comida, boa localização e além de tudo, bons vinhos) pois todos estávamos famintos. Só não contávamos com o tamanho dos pratos individuais, que falam por si só. Depois da refeição só nos restava caminhar e muiiiiito por essa bela cidade com seu lindo calçadão, a sua praia, a sua belíssima orla, as suas ruas e vielas. No finalzinho da tarde saímos de Nice e fomos para Saint-Tropez, antiga vila de pescadores, que ficou famosa depois que começou a ser frequentada por Brigite Bardot. Embora menos glamourosa que Mônaco, é muito visitada por artistas famosos e também pelo 1° ministro Russo, o Putin, que comprou uma casa neste balneário. Andamos pela cidade que estava bem deserta por causa do horário (início da noite) e também por causa do frio. Depois disso voltamos para o hotel com  os presentes que a Anatê havia nos mandado com as delícias locais (calissons, nougats e olivas de chocolate). Que delicadeza esse serviço! Subimos, tomamos um banho e saímos para jantar no centro de Marselha. No dia seguinte tomamos o café da manhã no hotel, curtindo da janela do resturante a bela vista do porto da cidade. No segundo dia vimos um pouco mais da própria Marselha, já que, até então, só tínhamos andado pela área portuária e pelo centro. Fomos até a basílica de Notre-Dame-de-La-Garde, lindíssima, por sinal, de onde pudemos ver toda a capital da Provence, a segunda maior cidade francesa com quase 1,5 milhões de habitantes. Do alto, também vimos o Château D´If, que fica numa ilhazinha no meio do porto, famoso por sua citação no Conde de Monte Cristo. Visitamos também a mais antiga igreja católica francesa que ainda tem preservado o seu lindo órgão, visitamos também a orla e outros pontos turísticos de Marselha. Em seguida, visitamos Cassis uma bucólica, pequena e linda cidadezinha, onde tivemos oportunidade de visitar uma vinícola e tomar um vinho local antes de nos dirigirmos ao centro da cidade. Cassis, que não tem nada a ver com o licor, faz parte da região da Provence e é muito linda. O passeio continuou por Aix-en-Provence, outra cidade charmosa da Provence. Conhecemos o centro da cidade, os seus becos e as ruelas, que nos lembraram uma cidade medieval. No final do passeio, com a cidade iluminada para o natal, nos despedimos mais uma vez de Aix-en-Provence e voltamos para o hotel.”

Para acompanhar por inteiro essa viagem feita pela Hortência, que começou em Paris e terminou no Brasil depois de um cruzeiro que atravessou o Atlântico (Paris/Marselha/Montecarlo/Mônaco/Nice/St- Tropez/Cassis/Aix-en-Provence/Gênova-Itália/Barcelona/Málaga-Espanha/Casablanca-Marrocos/Funchal-Ilha da Madeira/Tenerife-Ilhas Canárias/Fernando de Noronha/Recife/Olinda/Salvador/Rio de Janeiro), visite o blog Zanzando Mundo Afora.
Texto publicado com a autorização da autora, Hortência do Zanzando Mundo Afora.

Procurando hospedagem ? 

Clique aqui e veja com quem trabalhamos: Booking. 

A nossa assessoria é gratuita para todos os clientes que optam por se hospedar com os nossos parceiros. Além de contar com a consultoria de quem conhece e mora na Provence, você não paga mais nem um centavo por isso.

Aguardamos o seu mail caso tenha alguma dúvida de como funciona o nosso serviço: site@naprovence.com.

2 Comentários

  1. zanzando mundo afora

    Oi Anatê.
    Adoramos o post. Enfatizado assim como vc fez, ficou melhor ainda.

    Obrigada minha querida por tudo (antes,durante e depois da viagem).

    Saiba que ficamos muito orgulhosos em termos colaborado com o seu blog…afinal ter uma matéria publicada num blog selecionado como melhores blogs/sites do Brasil não é para qq um não…

    bjs. Hortencia, Liomar, Zezé e Sérgio

    Responder
  2. Ana Tereza Merger

    Oi Hortencia, imagina…somos nos quem agradecemos a confiança e o incentivo. Esperamos que possamos nos ver em breve! Beijocas!

    Responder

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comece sua viagem por aqui!

Comece sua viagem por aqui!

Download gratuito de um manual com dicas simples e informações que respondem as principais dúvidas sobre a Provence. 
Sua viagem começa agora! É só preencher o formulário abaixo.

Muito obrigado!