Contato : +33 (0)4 42 26 40 34 WhatsApp : +33 (0)6 09 01 49 97

Château de la Barben, um castelo de contos de fadas na Provença.

Um castelo com tudo o que tem direito: um jardim “à la française”, torres em pedra, diversas épocas retratadas como se o local fosse uma colcha de retalhos do tempo (o lugar é mencionado desde 1065 nos documentos de Marselha), decoração sofisticada, coleções de livros raros e uma cozinha medieval com objetos que foram usados por gerações. A pouco mais de 20Km quilômetros de Aix-en-Provence, a residência que pertenceu ao rei René e à família Forbin durante cinco séculos foi vendido pelo último marquês em 1982. De lá para cá, o castelo, que continua sendo privado, abriu as portas e diversificou os negócios. Uma parte do terreno foi transformada em um zoológico,  um “vide granier” anima os fins de semana e quartos do primeiro andar agora funcionam como uma casa de hóspedes com café da manhã e visita do castelo incluídos nas diárias. E por falar em visita é ela quem os interessa nesse post, ela dura uma hora é guiada em francês por um profissional vestido com roupas de época e começa pela capela do século XI. A visita continua pela cozinha do século XIV. Com uma énorme chaminé, grande o suficiente para assar um carneiro, móveis típicos provençais em madeira (um deles “disfarçado” de cadeira onde era guardado o sal) e panelas em bronze do XVIII. O passeio continua em uma sala com teto à la française, onde são expostos para os visitantes roupas da metade do século XVIII. O passeio pelo tempo continua vendo os móveis e louças do século XIX e a bela decoração da sala de jantar (restaurada há menos de um mês). Em um corredor objetos do cotidiano como berço, andajá, banheira, cadeiras que tinham a mesma função de wc e outras curiosidades que se tornaram peças de museu. Em um dos quartos, uma cama russa com as águias imperiais esculpidas em madeira (da Renascença) é tão exagerada que quase não vemos as peças menores e não menos importantes: uma mala de viagem coberta de couro, o documento de compra do castelo do século XVII e uma bala de canhão, entre outros. Escadas esculpidas na pedra, uma sala com as peredes cobertas em peças de couro representando as quatro estações que fazia parte do castelo de Vauvenargues (comprado por Picasso), uma biblioteca e um salão para receber visitas completamente decorado fazem parte das ultimas explicações da guia. As fotos no interior do castelo não são autorizadas, apenas nas escadarias e no terraço. Château de la Barben, Route du Château, La Barben, 8 euros o bilhete (adulto) que inclui a visita guiada de uma hora. Aberto todos os dias do 2 de abril ao 13 de novembro.

Tags:, , , , ,

Deixe um comentário

Nota: Os comentários no site refletem as opiniões de seus autores, e não necessariamente as opiniões do portal de internet NaProvence. Você deve abster-se de insultos, palavrões e expressões vulgares. Reservamo-nos o direito de excluir qualquer comentário sem aviso prévio ou explicações.

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são assinados com *