Contato : +33 (0)4 42 26 40 34 WhatsApp : +33 (0)6 09 01 49 97

Roussillon é uma das estrelas do Luberon provençal.

O nome de Roussillon vem das escarpas de terra vermelha – uma mistura de óxidos de ferro – de onde foram tiradas as pedras para construir a cidade. Mas a lenda que explica o porque da cor avermelhada desta terra é menos prática e bem mais triste. Segundo ela o vermelho vem do sague de uma jovem que se suicidou se jogando da torre do castelo depois que soube que o marido – o senhor de Raymond – havia matado o amante. A história que teria inspirado a lenda aconteceu há alguns século, mas quem visita Roussillon hoje, não vai encontrar nada que lembre o conto sinistro, ao contrário.

A cidade incrustada no alto de uma colina é uma das mais bonitas do Luberon e se não bastasse as muitas lojinhas de produtos provençais, as ruelas medievais, os bares e as fachadas com as suas parreiras, você ainda vai se encantar com as carreiras de ocre por onde os amantes da natureza podem se aventurar por pelo menos uma hora. Não venha a Roussillon com pressa. Tenha tempo para almoçar no David, o restaurante do hotel Clos de la Glycine e tomar um sorvete no fim da tarde. As crianças vão agradecer o passeio.

Procurando hospedagem ? 

Clique aqui e veja com quem trabalhamos: Booking. 

A nossa assessoria é gratuita para todos os clientes que optam por se hospedar com os nossos parceiros. Além de contar com a consultoria de quem conhece e mora na Provence, você não paga mais nem um centavo por isso.

Aguardamos o seu mail caso tenha alguma dúvida de como funciona o nosso serviço: site@naprovence.com

 
Tags:, , , , , , , , , ,

2 Replies to “Roussillon é uma das estrelas do Luberon provençal.”

Maria
3 agosto 2012
Oi Ana, faz tempo que preciso agradecer todas as dicas que vc disponibiliza no site. Foram fundamentais para eu poder me localizar na Provence e ir fazer a visita sob "encantamento". Encantamento é a palavra que define minha relação com a Provence. Não tinha vontade de ir embora e estou louca de vontade de voltar para conhecer mais devagar os lugares que passei "dando uma olhada". A Provence é diferente. Tem uma atmosfera diferente. Não à toa chamou tanta atenção de diversos artistas como Van Gogh, Picasso, Cèzanne, entre outros. Espero que os habitantes continuem controlando o turismo, que não permitam a invasão desenfreada que pode transformar a Provence num lugar comum. Gostei do cuidado que as pessoas têm com a sua cultura. Se não valorizamos o passado não conseguimos construir um belo futuro, não é mesmo? Roussilon foi uma cidade que passamos rapidamente, mas com tempo suficiente para comer a melhor torta de cerejas que já provei. Isso foi num lugar qualquer, bem simples, que não guardei o nome. O que surpreendeu foi que além de saborosa foi maravilhosamente servida com uma cobertura trabahada em chantilly e lascas de amêndoas. Acho muito bonita esta cultura de cuidado com a apresentação dos pratos, mesmo no mais simples dos lugares. E o mesmo percebi com outras coisas. Fomos muito bem recebidos por todos, independente de não falarmos o francês. Isso me preocupava, mas não tivemos problemas. Em todos os lugares turísticos a maioria falava em inglês e muitas vezes tentaram aprender o português. Provence é assim... feita de pequenos gestos encantadores.
Responder
    AnaTe
    3 agosto 2012
    Oi Minha querida Bete, concordo plenamente. A nossa bela Provence é feita de detalhes, de magia, de paisagens encantadoras que nos tocam profudamente. Volte mesmo, para saborear de novo essa torta de cerejas e toda a cultura que a regiao pode lhe propor. Um grande abraço!
    Responder

Deixe um comentário

Nota: Os comentários no site refletem as opiniões de seus autores, e não necessariamente as opiniões do portal de internet NaProvence. Você deve abster-se de insultos, palavrões e expressões vulgares. Reservamo-nos o direito de excluir qualquer comentário sem aviso prévio ou explicações.

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são assinados com *